Projeto Eu Tenho Voz na Rede é notícia em mais de 30 veículos

O lançamento do Projeto Eu Tenho Voz na Rede, realizado na última quarta-feira (24), foi noticiado em mais de 30 veículos de mídia nacionais. Além dos jornais Folha de S. Paulo e Correio Braziliense, do Jornal da Manhã da rádio Jovem Pan, do Jornal da Tarde, da TV Cultura e do jornal Bom Dia Cidades da EPTV Campinas, a Agência Brasil da EBC publicou uma ampla matéria que foi reproduzida em mais de 20 veículos de todo o país, com destaque para os portais UOL e R7, Isto É, Isto É Dinheiro, Diário de Pernambuco, Diário da Amazônia, entre outros. 

Agência Brasil

Título: Projeto busca conscientizar crianças sobre abuso sexual

Leia aqui.

 

Jornal da Manhã/Jovem Pan:

Título: Iniciativa contra abuso em escolas ganha versão online e quer avançar pelo Brasil

Leia aqui.

 

Folha de S. Paulo

Título: Juízas criam projeto para ensinar professores a identificar abuso infantil

Leia aqui.

 

Jornal da Tarde – TV Cultura

Título: Eu Tenho Voz na Rede: Projeto promove conscientização sobre abuso infantil

Leia aqui.

 

Correio Braziliense

Título: Predadores na família

Leia aqui.

 

EPTV Campinas/Bom Dia Cidades (retransmissora da TV Globo)

Título: Projeto online mobiliza combate de casos de abuso sexual em crianças e adolescentes

Leia aqui.

 

UOL

Título: Projeto pretende conscientizar crianças sobre abuso sexual

Leia aqui.

 

Portal R7:

Título: Projeto pretende conscientizar crianças sobre abuso sexual

Leia aqui.

 

Istoé:

Título: Projeto pretende conscientizar crianças sobre abuso sexual

Leia aqui.

 

Isto é Dinheiro:

Título: Projeto pretende conscientizar crianças sobre abuso sexual

Leia aqui.

 

Diário de Pernambuco:

Título: Projeto pretende conscientizar crianças sobre abuso sexual

Leia aqui.

 

Diário da Amazônia:

Título: Projeto pretende conscientizar crianças sobre abuso sexual

Leia aqui.

 

 

Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2020 © IPAM - Instituto Paulista de Magistrados. Todos os direitos reservados.