Coordenadora do Eu Tenho Voz divulga alerta sobre abuso infantil

A 2ª vice-presidente do IPAM,  juíza Hertha Helena Rollmberg Padilha de Oliveira, coordenadora do Projeto Eu Tenho Voz contra o abuso infantil, fez um alerta em mensagem gravada em vídeo para as plataformas do Instituto, sobre o fato de que com as escolas fechadas durante a pandemia da Covid-19, “infelizmente, muitas crianças que são vítimas de violência e abuso sexual estão confinadas em suas casas com os seus agressores”.

“Se você conhece alguém que esteja nessa situação, denuncie!”, ressaltou a Drª.Hertha, lembrando que “neste momento de pandemia, para as crianças eu são vitimas de violência, a sua voz a maior defesa.”


O IPAM mantém desde 2016, o Projeto Eu Tenho Voz para atingir de forma eficaz crianças e adolescentes e promove nas dependências das escolas uma apresentação da peça teatral “Marcas da Infância”, desenvolvida especialmente para refletir sobre a questão do abuso infantil de forma lúdica e empática. As apresentações são realizadas sempre com a presença de membros da magistratura, do ministério público ou procuradores do estado, aproximando os representantes do Poder Judiciário das comunidades, gerando nas vítimas a certeza de que elas podem utilizar o poder da sua voz para fazer a denúncia, porque serão ouvidas.

Vale lembrar que a proteção das crianças e adolescentes é um dever da família, da comunidade, do poder público e de cada cidadão. E que mesmo com as escolas fechadas durante a pandemia o IPAM continua a receber as denúncias de abuso infantil e a coordenar os resultados das ações realizadas em parceria com os profissionais especializados no acolhimento às vítimas, informando os casos denunciados às autoridades competentes, para não somente dar a voz às vítimas, mas também garantir a condução legal para solucionar os crimes ocorridos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2020 © IPAM - Instituto Paulista de Magistrados. Todos os direitos reservados.